Polimento ou cristalização: qual dos dois fazer?

6 de dezembro de 2018

A preocupação com a aparência do carro é algo muito importante para os brasileiros. Para os amantes de carros, nem se fala. Eles investem em sua propriedade com muito carinho.

Todo mundo quer andar em um carro limpo e brilhante. Existem dois tipos de procedimentos que podem melhorar a aparência do seu carro e deixa-lo com cara de novo!

Os procedimentos são o polimento e cristalização. Cada um tem um objetivo de diferente. Você sabe qual o melhor para o seu carro? Qual desses procedimentos ele está precisando?

No artigo de hoje vamos explicar sobre as características do polimento e da cristalização.

O que é o polimento?

Veja as seguintes situações, seu carro se encaixa nelas?

Sabe quando você para o seu carro embaixo de uma árvore, ao ir embora ou depois em casa percebe que ele ficou manchado por causa das fezes de pássaros ou por causa das folhas que caíram sobre ele?

Seu carro tem riscos que são superficiais na lataria do carro? Esses riscos são superficiais?

Bom, se isso está acontecendo com o seu carro, talvez ele esteja precisando de um polimento!

O polimento da lataria do veículo consiste na utilização de uma pasta que tem características abrasiva, ou seja, proporciona uma leve corrosão ou esfoliação da pintura. Essa pasta é passa por meio de uma máquina de polir, a politriz.

Assim, ao passar a pasta abrasiva de forma circular na pintura do carro, ela acaba retirando uma camada de pintura, que estava riscada, com manchas ou opaca. Dessa forma, a camada de baixo, que é está brilhante emerge, deixando como seu carro como novo.

Como esse procedimento utiliza de produtor químicos corrosivos é necessário levar seu carro até m profissional para que ele faça o polimento da maneira mais correta e com os equipamentos de proteção necessários.

Além disso, se o seu carro estiver com manchas mais profundas ou riscado superficialmente, se faz necessário lixar o carro com uma técnica que se chama lixa d’água.

Um bom profissional sabe como recuperar pequenas e grandes imperfeições, portanto, busque um de confiança. Nossa dica é de que você mande polir seu carro pelo menos três vezes durante a vida dele, para que não se perca o verniz da pintura.

Como funciona a cristalização?

A cristalização da pintura do carro dá a aparência de espelhamento na lataria. O procedimento de cristalização consisti na aplicação de resina na lataria do carro.

Ao passar a resina na pintura ela forma uma camada que irá proteger a pintura do carro. Ao contrário da cera automotiva que sai após a lavagem e com o tempo não perde o efeito, essa resina dura mais e deixa o carro brilhante por mais tempo.

Ao contrário do produto utilizado no polimento, a resina de cristalização não é abrasiva, portanto, não reage com o verniz da pintura. Assim, a cristalização pode ser realizada sempre que necessário.

Porém, a cristalização não retira manchas ou riscos do seu carro, só dá brilho à pintura do carro. Ela é recomendada para aqueles carros mais antigos, o qual a pintura vai perdendo o brilho com tempo.

Polimento ou Cristalização?

Se o carro tem manchas de sol, de folhas, de rejeitos de animais e riscos superficiais na lataria., o procedimento mais adequado é o polimento. Com o polimento é possível tirar essas marcar do carro e dar brilho a pintura do automóvel.

Agora, se o seu carro está opaco, sem brilho e não manchas e nem riscos, com a cristalização é possível resolver esse problema. Seu carro ficará com o pintura e brilho de um novo.

Você pode fazer também os dois procedimentos, primeiro o profissional faz o polimento para retirar as imperfeições da lataria e após faz a cristalização para deixar a pintura do carro mais brilhante ainda.

Qual desses procedimentos seu carro está precisando? Já descobriu? Leve seu carro até o profissional indicado e deixe-o como novo!

Relacionados