Como preparar superfícies para pintura?

14 de maio de 2019

Está pensando em você mesmo dar um jeito naquela mesa, cadeira ou naquela parede da sua casa que se desgastou com o tempo ou precisa de uma primeira pintura? Vamos te ajudar!

Seja qual for o tipo de material a ser pintado ou repintado, o primeiro passo será, sempre, a uniformização da superfície. Para que a pintura possa durar mais e o acabamento do seu trabalho seja bem feito.

Uma superfície bem limpa e lisa garante uma pintura sem bolhas, manchas ou aquelas ondulações de serviço mal feito. A seguir vamos trazer algumas dicas de como preparar a superfície para o processo de pintura. Nos acompanhe!

Limpeza da superfície

Antes de começar qualquer trabalho você deve limpar a superfície que pretende limpar. É importante tirar qualquer resquício de pó, gordura, mofo ou sabão.

Esse processo deve ser realizado para fazer com que a tinta penetre no material, garantindo uma alta cobertura da tinta.

Se a superfície que você pretende limpar estiver com gordura ou graxa, recomendamos que você a limpe com detergente e água até que toda a sujeira seja removida.

Já se a sua superfície estiver com mofo, seu problema será resolvido com água e água sanitária, utilize a proporção 1 para 1. Dissolva uma determinada quantidade de água sanitária em uma mesma quantidade de água.

No caso de superfícies de ferro utilize uma bucha de aço ou uma lixa para remover a crosta de ferrugem.

Elimine as imperfeições

A superfície do material que você irá pintar deve estar perfeita, sem buracos, rachaduras ou descascado.

Para isso, no caso de móveis de madeira, alvenaria ou aço você pode utilizar uma lixa para retirar toda a tinta antiga e possíveis ondulações ou outras imperfeições, para que a tinta penetre no material e dê uma cobertura completa.

No caso de paredes, algumas partes que necessitam ser retiradas devem ser feitas por meio de lixadeiras ou espátulas.

Se a sua parede tiver buracos ou rachaduras recomendamos que você aplique massa acrílica, gesso ou argamassa para cobrir as imperfeiçoes e nivelar a parede. Cada área deve ser preenchida com determinado material, procure saber qual o melhor.

Não se esqueça de retirar o excesso de massa, use uma lixa para isso.

Outras superfícies

Superfícies como tijolo, gesso ou concreto precisam de uma atenção especial. Nesses casos, é importante que você passe um fundo protetor para que não haja tanta absorção de tinta pelo material que será pintado.

Seque bem a superfície antes de pintar

Depois de ter preparado a superfície e retirado todas as imperfeições, certifique-se que ela esteja bem seca, quais sejam, as massas para a cobertura ou o fundo protetor.

Caso a parede que você deseja pintar seja recém construída, é necessário esperar um mês para realizar a pintura. Ainda, procure não pintar o seu móvel ou parede em dias úmidos, pois a tinta irá demorar para secar, podendo formar bolhas e machas.

Queremos uma pintura perfeita!

Materiais para a pintura

Depois de ler todas as nossas dicas, analise a superfície que você deseja pintar e tome nota de todos utensílios e materiais que precisará para realizar a pintura.

Tenha rolos de pintura, cabos extensores, pincéis para superfícies com detalhes, lixas, buchas de aço, tinta, enfim, tudo o que for preciso.

Não se esqueça de utilizar luvas e máscaras, para a sua proteção.

Além disso, forre o lugar onde irá realizar a pintura com lona plástica para que não caia respingos de tinta em outros móveis e no chão.

Esperamos ter te ajudado a preparar a superfície que deseja pintar. Siga cada uma delas e você terá um móvel ou uma parede bem pintada e sem imperfeições.

Escolha bem a tinta que você irá utilizar, cada tinta tem a sua superfície correta e mãos à obra.

Relacionados