Conheça os segmentos da reparação automotiva

19 de março de 2019

O mercado da reparação automotiva está aquecido. Isso porque, mesmo com o aumento da tecnologia envolvendo os automóveis, algumas funções ainda são essenciais.

Como dito, a tecnologia faz com que as pessoas se especializem em determinadas áreas. Atualmente, o número de carros com computadores de bordo e componentes eletrônicos aumentou, o que leva os profissionais a estarem em constante aprendizagem para poder lidar com esse tipo de trabalho.

No entanto, ainda é preciso considerar que a utilização de veículos seminovos é uma realidade. Afinal, mesmo com todas as condições favoráveis à compra de um carro zero, ainda assim os usados continuam sendo uma opção mais rentável.

Sendo assim, há de se considerar que os segmentos de reparação automotiva continuam em alta. Pois, mesmo que os novos carros exijam muito dos mecânicos e de suas oficinas, os usados ainda são uma grande fatia do mercado. Dessa forma, é necessário que se tenha completa noção dessa área de atuação.

Para tanto, preparamos esse artigo, que fala, principalmente, sobre os principais segmentos de reparação automotiva. De uma maneira muito simples, vamos tratar sobre as áreas que mais recebem pedidos e sobre as melhores maneiras de continuar atendendo os seus clientes com presteza e eficiência. Por isso, vamos considerar alguns segmentos que sempre têm procura.

Acompanhe a leitura!

Carros elétricos

Os elétricos já estão no mercado. As análises desse segmento, apontam que o crescimento dos modelos híbridos e totalmente elétricos tendem a aumentar significativamente nos próximos anos. Isso porque, em aliança à inovação tecnológica que eles propõem, a preocupação com a sustentabilidade faz com que esses automóveis estejam se tornando cada vez mais populares.

No entanto, ainda são poucas as oficinas especializadas na reparação automotiva desses veículos. Sendo assim, podemos entender que esse é um mercado em expansão. Porém, é necessário ter em mente que o trabalho com esses modelos requer uma especialização muito maior que os comuns motores à combustão.

Usados e seminovos

Como dissemos no decorrer do artigo, os usados e seminovos ainda são a maioria dos carros no mercado. Sendo assim, é fundamental que ainda se tenham locais para os reparos que eles necessitam. Incrivelmente, há todo um segmento dos carros mais antigos, que necessitam de atenção especial. Nesses casos, podemos afirmar que, além da necessidade da reparação automotiva, lidamos com o amor dos donos dos clássicos.

Focar nesse mercado é garantia de sucesso. Afinal, mesmo que os modelos mais novos tomem as ruas, ainda temos os usados passeando por aí. Portanto, é um nicho que irá, constantemente, necessitar de mão de obra especializada.

Diesel

Os motores à diesel são diferenciados. Por isso, as oficinas que são especialistas na reparação automotiva desse tipo de veículo, apresentam constante rotatividade. Isso porque, dificilmente os mecânicos de motores à gasolina ou etanol fazem reparos nesse tipo de automóvel.

Além disso, podemos fazer um adendo nesse ramo. Juntamente com os carros de passeio que são movidos à diesel, ainda temos os veículos pesados. No entanto, é importante reforçar que, esses, necessitam de atendimento especializado e maior entendimento sobre os motores.

Reparo de peças

Trabalhar apenas com o reparo de módulos também pode ser uma opção. Isso porque, as oficinas terceirizam parte do trabalho, de modo a necessitar de parceiros especialistas, que cuidam de peças específicas. Sendo assim, é possível lucrar indiretamente oferecendo esse tipo de mão de obra.

Além disso, com a modificação da composição dos carros, é fundamental que os mecânicos tenham conhecimento sobre determinados componentes, como os módulos. Portanto, investir nesse tipo de especialização pode ser o diferencial de sua oficina.

O mercado de reparação automotiva está, constantemente, aquecido. Como máquinas, os carros estão sujeitos à quebra e não são, exatamente, itens que podem ser descartados a cada vez que apresentam problemas. Sendo assim, investir nesse mercado é garantia de rentabilidade.

Relacionados