Os principais tipos de EPI’s utilizados nas indústrias

26 de fevereiro de 2020

Os principais tipos de EPIs utilizados nas indústrias

Os EPIs utilizados nas Indústrias como objetivo preservar a integridade física e mental dos colaboradores, levando a sofrer com estresse excessivo e irritabilidade.

Além dos perigos relacionados a possíveis acidentes de trabalho, o ruído excessivo e a inalação de produtos tóxicos podem causar danos irreparáveis.

Você conhece quais são os principais equipamentos de proteção individual ou EPIs utilizados nas indústrias?  Se não conhece basta ler o texto abaixo para ficar por dentro.

Conheça os 7 principais EPI’s utilizados nas indústrias

O uso dos EPIs no ambiente de trabalho se tornou obrigatório à partir do ano de 1978 quando foi criada a Norma Regulamentadora  de número 6 ou NR6. Desde então os trabalhadores tem o direito e dever de usar os equipamentos.

Eles são equipamentos de segurança individuais que devem ser usados pelo trabalhador e cedidos de forma gratuita para o empregador de acordo com os riscos apresentados durante o exercício da função.

Há variados tipos de EPIs utilizados nas indústrias, veja agora quais são os principais e como eles protegem:

1) Abafadores de ruídos ou protetores auriculares

Protegem a audição de sons considerados prejudiciais à saúde auditiva, ou seja, que esteja acima dos decibéis permitidos.

As funções mais comuns eu devem usar esse equipamento são:

  • Operadores de call centrer;
  • Trabalhadores de gráficas;
  • Operadores de áudio em rádio, televisão ou bandas musicais;
  • DJ’s;
  • Operários de indústrias nos mais variados setores;
  • Motoristas de veículos pesados;
  • Operadores de britadeiras;
  • Trabalhadores em pistas de aeroportos entre outros.

2) Máscaras e filtros

As máscaras e os filtros servem para proteger dos agentes contaminantes presentes no ar, tais como poeira, gases e odores de produtos químicos.

Além disso, devem ser usados para prevenir contaminação causada por fatores biológicos.

3) Óculos e viseiras

Esse tipo de EPIs deve ser usado para proteger os olhos dos raios de sol e também durante a execução de serviços como capina e solda, além de outras atividades em que haja risco de agressão aos olhos.

4) Capacetes

Devem ser usados por pilotos de motocicletas, trabalhadores de indústrias e principalmente na construção civil ou onde tenha riscos de desabamentos e queda de materiais ou objetos perigosos.

5) Luvas e mangotes

É um equipamento de segurança bastante usado, serve para proteger as mãos e braços na execução dos mais diferentes tipos de atividades laborais, além de evitar o contato com materiais corrosivos ou de alta temperatura.

6) Sapatos, botas e botinas

Tem como função proteger os pés evitando lesões com materiais perfuro cortantes ou a contaminação por meio de agentes contaminantes presentes na água e ainda evitam o contanto com substancias corrosivas.

7) Cintos de segurança e cinturões

Tem como principal função proteger o trabalhador contra quedas, é muito utilizado por quem trabalha em andaimes, plataformas ou escadas.

Seu uso também é muito comum em escavações, poços e minas para proteger e sustentar, evitando assim acidentes que possam ser fatais.

Conclusão

Os EPIs utilizados nas indústrias têm como objetivo resguardar os trabalhadores de quaisquer acidentes ou lesões, além de contato com agentes contaminantes que possam lhe causar danos físicos.

Segundo orientações da NR6 do Ministério do Trabalho todos os colaboradores devem usar os equipamentos de proteção individual de acordo com a função que exerce.

O empregador por sua vez é obrigado a fornecer os equipamentos para preservar a integridade física do funcionário.

Na hora de adquiris os Ipês para os trabalhadores na sua empresa entre em contato com as lojas Planalto. Nelas você encontra grande variedade de equipamentos para atender às necessidades de seus colaboradores.

Acesse o site: https://soldasplanalto.com.br/produtos/epis-e-seguranca e conheça o catálogo de produtos.

Relacionados